Página inicial do IPE Saúde
Ir para Portal do Estado do Rio Grande do Sul
Siga-nos
IPERGS - Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Sul
Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Imprimir   Fechar
Página Inicial  >  Notícias  >  Entidades de servidores públic

Entidades de servidores públicos fazem ato em defesa do IPE

Pio Giovani Dresch, Sérgio Arnoud e Valter Morigi

A União Gaúcha em Defesa da Previdência Pública e a Federação Sindical dos Servidores Públicos do RS (Fessergs) realizaram na manhã desta quarta-feira (22), na Assembléia Legislativa, ato em defesa do Instituto de Previdência do Estado (IPE). O evento foi denominado pelas entidades como contraponto às manifestações das entidades médicas por aumento nos valores pagos pelo IPE aos médicos.

Para o presidente da União Gaúcha, Pio Giovani Dresch, a relevância social do IPE Saúde está sendo desconsiderada nesta atitude de paralisar o atendimento. "Atitudes extremas não levam em consideração a massa protegida de mais de 1 milhão de pessoas. O IPE é a galinha dos ovos de ouro da saúde do Estado e não pode ser sacrificada", destacou. Dresch criticou, ainda, o formato da manifestação das entidades médicas. "Precisamos alertar a sociedade de que a negativa de atendimento é prejudicial para os dois lados. As entidades não recebem de nenhum plano o que têm do IPE e os dados apresentados pelas entidades só mostram uma parte da realidade", afirmou.

O presidente da Fessergs, Sérgio Arnoud, considerou inoportuna e extemporânea a atitude das entidades médicas de sugerir paralisação. "Somos acostumados com movimentos reivindicatórios, mas não de forma irresponsável, com premissas falsas. O atendimento pelo IPE é quase exemplar. Não podemos admitir a utilização de dados tendenciosos e não queremos ser usados pelos médicos que querem compensar o que deixam de receber dos planos privados com cobranças ao IPE", apontou o dirigente.

A diretoria de Saúde do IPE apresentou dados que comprovam a grandiosidade do plano e sua importância no cenário da saúde pública. O diretor do IPE Saúde Antônio de Pádua destacou os valores pagos aos médicos e a contribuição dos segurados. "Por ano, 3,5 milhões de consultas são realizadas pelo IPE, enquanto um plano privado de grande porte faz 185 mil atendimentos. Não existe plano privado que cobre menos de R$ 400 por pessoa. O segurado do IPE paga 3,1% do seu salário para ter assistência saúde familiar".

O atendimento aos segurados está sendo monitorado pela diretoria de saúde para acompanhar o cenário de paralisação. O principal hospital da capital que presta atendimento pelo IPE Saúde não aderiu à paralisação e está prestando o serviço normalmente.

 

Luciana Fagundes

Comunicação Social IPE

Publicação 22.05.2013 às 13:34
IPERGS - Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Sul
Av. Borges de Medeiros, 1945
Bairro Praia de Belas
CEP: 90110-900
Porto Alegre - RS

Acesso para cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida pela Rua Vicente de Paula Dutra
E-Mail: - Fone/Fax: (51) 3210-5656